sábado, 25 de novembro de 2006

Thây - Elementos Biográficos




Thich Nhat Hanh (Thích Nhất Hạnh) nasceu em 1926 com o nome de Nguyễn Xuân Bảo, em Thừa Thiên, na região central do Vietnã e tornou-se noviço com a idade de 16 anos e monge completamente ordenado em 1949 no Monastério de Tu Hieu (Từ Hiếu). Em 1950, Thây (diminutivo carinhoso de Mestre, Thich, em vietnamita) fundou o Instituto An Quan de Altos Estudos do Budismo, que se tornou o berço da luta não violenta dos budistas contra o colonialismo (primeiramente francês e, depois, divido entre norte-americanos e as forças comunistas da Ásia) e a guerra em geral qua assolava o país e esmagava o povo, principalmente os mais pobres.Em 1966, Thây recebeu a "Lâmpada da Transmissão" que o tornou Dharmacharya ou professor de Dharma do seu mestre Chân Thật. Foi reconhecido, então como o mestre do ramo Tu Hieu, da 8a. geração da linhagem de Liễu Quán e da 42a. geração da escola dhyana (Thien, em vietnamita) Lâm Tế (que corresponde à tradição Lin Chi da escola Chan, dhyana em chinês, e à tradição Rienzai da escola Zen, no Japão).

Em 1956 foi nomeado editor-chefe da revista Budismo Vietnamita, da Associação Budista do Vietnã Unificado e, nos anos seguintes , fundou a editora La Boi Press e a Universidade Budista Van Hanh em Saigon. Mas foi em 1966 que ele criou uma instituição que iria marcar toda a sua vida e lançar os fundamentos do que ele chamou, no livro Vietnã, Lótus em Mar de Fogo, de "Budismo Engajado": a Escola da Juventude para o Serviço Social, lugar onde eram formados jovens destinados às áreas rurais para construir escolas, ajudar na assistência médica e na reconstrução das cidades destruídas pela guerra. A idéia central desta organização era ajudar a todos sem tomar partido por nenhum dos lados em guerra. Esta opção tornou a Escola um alvo especial de ataque de ambos as forças políticas e teve vários de seus membros ameaçados e mortos.
Em 1960 Thây foi aos EUA para estudar religiões comparadas na Universidade de Princeton, logo depois ensinou esta disciplina na Univeridade de Columbia. Nesta época, Thây já havia ganhado fluência em francês, chinês, sânscrito, páli, japonês e inglês.

Seis anos depois, voltou aos EUA para coordenar um simpósio sobre o Budismo Vietnamita e teve encontros com Martin Luther King Jr. que, um ano depois, o apontaria para o Prêmio Nobel da Paz ( a academia sueca optou por não oferecer o prêmio naquele ano).


Em 1969 Thây participou das negociações de paz de Paris pela Delegação Budista mas, quando os acordos de Paris foram assinados em 1973, o novo governo do Vietnã unificado negou a permissão para seu retorno ao país. Mesmo assim, no final anos 70 Thây ajudou a coordenar esforços para salvar os chamados "boat people", vietnamitas que fugiam do país desesperadamente em pequenos barcos superlotados de gente.

Na França, ainda no final dos anos 70, formou uma pequena comunidade chamada Centro de Meditação Batatas Doces. Esta comunidade chamou bastante a atenção do mundo e evoluiu rapidamente - no início dos anos 80 ele e sua velha amiga e colaboradora Irmã Chân Không fundaram, na região de Dordogne, sul da França, o Centro de Meditação Vila das Ameixeiras (Lang Mai, em vietnamita e, como ficou mais conhecida, Plum Village, em inglês).

Thây tem combinado em toda a sua vida seu profundo conhecimento de uma grande variedade de métodos tradicionais de ensinamentos Zen com métodos da tradição Theravada e idéias advindas da psicologia ocidental para moldar sua própria abordagem da prática Zen e a sua visão do Budismo Engajado. Essa combinação forma parte intrínseca de sua ordem de monásticos e leigos chamada de Ordem do Interser, criada no Vietnã no mesmo contexto da sua Escola da Juventude - aqui Budismo Engajado é um budismo que busca se enraizar no mundo e na vida de todos, aproximar-se do sofrimento de todos os que necessitam e oferecer-lhes ajuda e cura. Esta abordagem busca tanto uma renovação do Budismo quanto a recuperação de algumas práticas do Budismo primitivo que se perderam no tempo, com a institucionalização e a relação de dependência da comunidade monástica para com o Estado.

Atualmente existem, em sua tradição, 2 monastérios no Vietnã próximos aos templos Từ Hiếu e Prajna. Nos EUA se estabeleceram mais 4 monastérios e centros de Dharma: o Deer Park Monastery, na Califórnia, o Maple Forest Monastery e o Green Mountain Dharma Center, em Vermont, e o Magnolia Village Practice Center no Mississipi - além de Plum Village, na França e diversos pequenos centros e comunidades espalhados pela Europa, América do Norte e Ásia.
Nestes centros o foco principal é a realização sistemática de atividades e retiros destinados aos leigos e centrado em treinamentos especiais, envolvendo a unidade corpo/mente, para ser vivido e exercitado na vida diária comum: os treinamentos da Plena Consciência. Também são feitas atividades para públicos específicos, como famílias, adolescentes, veteranos de guerra, indústria do entretenimento, parlamentares, policiais, negros e hispânicos, grupos profissionais e cientistas.

voltar para: http://interserblog.blogspot.com

Um comentário:

Flávio Maia disse...

Sou um admirador deste grande ser. Muito do que sou hoje devo aos seus ensinamentos.